castellano | deutsch | english | francais | italiano | nederlands

Envolve-te

QUEM?A NextGENDERation é uma rede Europeia de estudantes e investigadores trabalhando nos vários campos de estudos feministas, estudos de mulheres e sobre questões de género (quer em contextos institucionalizados, como centros de investigação ou associaçôes, ou não).

O QUÊ? A rede NextGENDERation representa políticas feministas focadas na democratização do ensino superior e na produção do conhecimento. Este foco de interesses está relacionado com diferentes dimensões, ligadas entre si. Uma delas é o acesso ao ensino superior e o modo como mecanismos de poder tais como o género, etnia e classe social estruturam este acesso a diferentes níveis (horizontalmente, em termos de segregação por disciplinas, e verticalmente, de acordo com hierarquias académicas). Uma segunda dimensão sobre a qual nos debruçamos é a produção de conhecimentos: as contribuições de conhecimento crítico e situado/contextualizado produzido a partir de um ponto de vista feminista, anti-racista, pós-colonial e anti-heterosexual já têm vindo a transformar velhos currículos e canons. Assumimos a intenção de continuar esta transformação. Ambas estas dimensões estão relacionadas com uma ideia do que devem ser a universidade e o ensino superior em geral. Da nossa perspectiva feminista, começamos por rejeitar uma concepção clássica da universidade como uma distante e privilegiada "torre de marfim". Também não acreditamos que, de acordo com os correntes ideais neo-liberais, a educação superior seja um local de formação dependente das necessidades do mercado de trabalho. Investimos numa visão da universidade como um local para a produção de conhecimento crítico e socialmente relevante, e queremos contribuir para esse ideal, no nosso tempo e espaços. Uma outra universidade É possível!

COMO? Trabalhamos de uma forma autónoma e descentralizada. A ideia da NG surgiu da discussão de uma série de jovens investigadoras, no contexto de uma reunião da ATHENA (uma rede devotada aos estudos feministas na Europa). Entretanto, viajamos em várias direcções e para diferentes contextos, de acordo com um tipo viral de propagação de políticas feministas que achamos simpático, e do qual nos orgulhamos. Isto significa que cada grupo da NG, espalhado por diversos locais, pode ser muito diferente, baseado ou não (pelo menos não totalmente) na academia, e envolvido com diferentes assuntos, embora partilhemos uma postura vincadamente feminista, anti-racista, anti-heterosexual e pós-colonial. Temos o espaço comum de uma lista de email para nos mantermos em contacto, trocar informações e ideias sobre correntes e futuros projectos, e construir uma rede Europeia mais forte.

Faça você mesmo uma NG: Como começar o seu NG grupo?
. Reuna-se com algumas amigas e colegas que trabalhem ou estejam interessadas em estudos de mulheres, estudos feministas ou estudos de género.
. Discuta os assuntos com que se confronta na condição de (jovem ou não institucionalizada) investigadora feminista, dentro do seu contexto/situação particular.
. Veja se se conseguem organizar em torno de um ou alguns destes assuntos (seja organizando um grupo de discussão, uma acção de intervenção concreta na vossa universidade, escola, centro de documentação, uma conferência, a escrita de um texto, etc.)
. Mantenham-se em contacto com outros grupos NG, para que possamos trocar informações e ideias, saber do que se passa em outros lugares; por outras palavras, subscrevam o vosso grupo/actividades na lista de email.